Órgão canceroso

Imagine um órgão.
Imagine que esse órgão está canceroso.
Imagine que as células cancerosas determinam o novo funcionamento desse órgão.
Porém, ele ainda é vital.
Imagine que ele não poderá ser retirado do corpo pois o levaria à morte.
Porém, ele deteriora o corpo.
Imagine células metastáticas se desprendendo do tumor principal.
Imagine essas células fluindo com a correnteza corpórea.
Porém, em algum momento elas se fixam em outros órgãos.
Imagine que esses órgãos são receptivos às células cancerosas.
Imagine que esses órgãos serão comprometidos, como o órgão original.

.

.

.

Agora, imagine o Rio de Janeiro como o órgão.

Anúncios

Uma opinião sobre “Órgão canceroso

  1. Achei maravilhoso o que vc escreveu. É triste e real, infelizmente. Mostrei o seu texto para os amigos da faculdade, todos adoraram, acharam vc superinteligente. Disseram: – Muito foda!!
    Daí, instalou-se um debate sobre o assunto abordado. Foi uma discussão interessante, e uma avaliação sobre a vida que tocou á todos.

    beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s