Ela é a música que ninguém toca

Ela parece me vestir
Espalha-se confortavelmente pelo meu desespero
Causa dor
Que vaza sem que eu perceba.

Faria tudo para tê-la aqui.
Faço tudo para tê-la aqui.

Ela é a música que ninguém toca.
Inacessível.

Faço dela um mito em que preciso acreditar.

Não posso deixar que isso cresça em mim.

O nó na garganta engasga.
Me parte ao meio.

Não posso deixar que isso cresça em mim.

Ela não é real.
Não posso torná-la real.
Não consigo torná-la real.

Anúncios